Songs My Brothers Taught Me

Revista da Semana | 22 de abril de 2021

Estreias e Dicas desta quinta-feira

Por Redação

Hoje, 22/04, além de ser considerado o Dia do Descobrimento do Brasil, é também o Dia do Planeta Terra. E metaforicamente ao momento atual, o Dia Mundial da Tontura. Mais de quinhentos anos que se tenta entender os erros estruturais “importados”, mas parece que ainda não foi dessa vez. E a tão sonhada liberdade ainda é um conceito utópico, especialmente no agora, uma época de caos pandêmico do Coronavírus que assola o mundo e de superexposição dos comportamentos do ser humano perante seus próximos. Mas há algo nos brasileiros: o otimismo crônico. De “nunca desistir”, explícito na mostra Cinema Brasileiro: Anos 2010, 10 Olhares, que acontece de hoje a 30/04 e é uma dicas da Revista da Semana do Vertentes do Cinema. Uma curadoria especial com curtas-metragens, lançamentos dos streaming, tudo sobre a edição 2021 do Oscar, a nova plataforma digital Reserva Imovision. Sessões exclusivas e muito mais. Confira tudo a seguir na Revista mais aguardada da semana e embarque no universo encantado da sétima arte!

CURTA DA SEMANA

SESSÃO BRASIL DISTÓPICO

DISTOPIA

ASSISTA AQUI (2016, Brasil, 11 minutos, de Pedro Urizzi). Filmado no Brasil e em Budapeste, o roteiro debate o autoritarismo e aborda temas como sexualidade, capitalismo, censura e imigração. Após a exibição, o diretor recebe parte do elenco para um debate sobre os temas abordados na produção, com a participação do roteirista do filme, Maurício Paroni de Castro, da atriz Suzana Pires e do escritor J.P. Cuenca. Escrito pelo diretor e dramaturgo Maurício Paroni de Castro, ‘Distopia’ conta a história de uma personagem solitária que se imagina líder de uma sociedade, onde quem trai os votos de fidelidade é destinado à guilhotina. No espaço super populoso do corredor da morte, a única defesa dos condenados é uma declaração à câmara – quer dizer, ao espectador.

A Ilha

PRÓXIMO CURTA

A ILHA

(2008, Brasil, 9 minutos, animação, de Alê Camargo). Um rapaz preso numa ilha. Ação, mistério e muito tchá-tchá-tchá. ESTREIA 29/04, 00:01.


Revista da Semana | 15 de abril de 2021

EM CASA

Pinocchio

PINÓQUIO

(Pinocchio, 2020, Itália, 125 minutos, de Matteo Garrone, CRÍTICA AQUI). Gepeto é um solitário marceneiro que sonha em ser pai e deseja que Pinóquio, o boneco que acabou de construir, ganhe vida. Seu pedido é atendido, mas a desobediência de Pinóquio faz com que ele se perca de casa e embarque em uma jornada repleta de mistérios e seres fantásticos, que o levará a conhecer de perto os perigos do mundo. Disponível na plataforma digital NOW.

Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars

FESTIVAL EUROVISION DA CANÇÃO: A SAGA DE SIGRIT E LARS

(Eurovision Song Contest: The Story of Fire Saga, 2020, Estados Unidos, 123 minutos, de David Dobkin, CRÍTICA AQUI). Eles nasceram para brilhar mesmo que ninguém mais concorde. E o destino concedeu a chance de que eles precisavam. “Festival Eurovision da Canção: A Saga de Sigrit e Lars” se concentra em algum protótipo dramático para pavimentar uma base funcional às falhas tentativas humorísticas, mas sempre esbarra na própria receita de bolo que segue. Nessa tentativa de homologação da representação, investe em uma unidade imperialista da cultura musical e formaliza uma espécie de unidade. Disponível na plataforma digital NETFLIX.

Songs My Brothers Taught Me

SONGS MY BROTHERS TAUGHT ME

(2015, Estados Unidos, 98 minutos, de Chloé ZhaoCRÍTICA AQUI). Morando com sua mãe na reserva de Pine Ridge, Johnny e a irmã Jashuan enfrentam novos desafios quando o pai (ausente) morre repentinamente. Johnny quer partir para Los Angeles com a namorada, mas terá que deixar para trás sua irmã. Em mais de um século de ocupação, é claro, sobra espaço também para paisagens não-ordinárias, heterogêneas: é nessa fissura que mergulha o primeiro longa da cineasta do momento, Chloé Zhao, “Songs My Brothers Taught Me”, filmado em 2014 numa zona quase-fantasma desse imenso território, a reserva Pine Ridge dos Oglalas, um dos subgrupos do povo Lakota, localizada na Dakota do Sul. Disponível na plataforma digital MUBI.

The Greatest Showman

O REI DO SHOW

(The Greatest Showman, 2017, Estados Unidos, 104 minutos, de Michael GraceyCRÍTICA AQUI). P. T. Barnum, um showman que tem uma tendência natural de enganar seu público, decide montar um circo na esperança de ficar famoso. Durante sua saga há ainda uma importante questão pendente em sua vida, uma paixão cega pela cantora Jenny Lind. Disponível na plataforma digital DISNEY PLUS.

Atlantique

ATLANTIQUE

(Atlantique, 2019, França, 99 minutos, de Mati DiopCRÍTICA AQUI). Ao longo da costa do Atlântico, uma torre futurista prestes a ser inaugurada avança sobre um subúrbio de Dakar. Ada, de 17 anos, está apaixonada por Souleiman, um jovem trabalhador da construção civil. Mas ela foi prometida a outro homem. Uma noite, Souleiman e seus colegas de trabalho deixam o país pelo mar, na esperança de um futuro melhor. Vários dias depois, um incêndio arruina o casamento de Ada e uma febre misteriosa começa a se espalhar. Mal sabe Ada que Souleiman retornou. Disponível na plataforma digital NETFLIX.


Revista da Semana | 22 de abril de 2021

TUDO SOBRE A MOSTRA CINEMA BRASILEIRO: ANO 2010, 10 OLHARES

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)


ASSINAR OU NÃO ASSINAR A NOVA PLATAFORMA DIGITAL RESERVA IMOVISION

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)


ARTIGO: GORBACHEV, IÉLTSIN, PUTIN, CINEMA E O IMPÉRIO QUE QUER VIRAR NAÇÃO

(clique AQUI ou na foto e leia tudo)


#02 – RECEITAS EM FILMES: VALENTE

(clique AQUI ou na foto, leia a crítica do filme e siga a receita)

Brave


BALANÇO E VENCEDORES DO FESTIVAL É TUDO VERDADE 2021

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

Presidente


TUDO SOBRE OS INDICADOS AO OSCAR 2021

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

Mank

CONFIRA NOSSA COBERTURA DO OSCAR 2021

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)


ACOMPANHE O FESTIVAL CINEFANTASY 2021

(clique na foto e saiba tudo)


CONFIRA A VERSÃO “CRIATIVA” DE LIGA DA JUSTIÇA


INSCREVA-SE YOUTUBE VERTENTES DO CINEMA

(clique AQUI ou na foto e fique conectado nas novidades)


ENCONTROS NOTÁVEIS – CINEMA OPERÁRIO E A OBRA DE RENATO TAPAJÓS

(Sexta-feira, 24/04, 19:00, Programe-se e assista no link abaixo)

Debate sobre o ciclo de “cinema metalúrgico”, que teve em Renato Tapajós seu principal nome, reúne professores universitários (Ricardo Antunes, da Unicamp, Jean-Claude Bernardet e Ismail Xavier, da USP, e Marcos Corrêa, autor do livro “Filmar Operários – Registro e Ação Política de Cineastas Durante a Ditadura Militar no Brasil”) aos cineastas Jorge Bodanzky, Roberto Gervitz e Toni Venturi. Com apresentação de Evaldo Mocarzel e mediação de Maria do Rosário Caetano. Evaldo Mocarzel Oficial Youtube.

Revista da Semana | 22 de abril de 2021

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *