Editorial da Semana | 02 de julho de 2020

Estreias e Dicas desta quinta-feira

Por Redação

Contando. Já chegamos aos 120 dias de confinamento social e solidário. E sem Salò. E sem Sodoma. E possivelmente maratonando Pasolini. Apesar que em certos momentos a vontade de um castigo nos instiga a alma. Aterrizando. Mais uma semana chega. E a tradicional Revista Índice do nosso site busca condensar dicas e novidades em uma curadoria diversa e ampla.

Esta em especial está recheada. Um banquete completo, quase à moda de Marco Ferreri e sua Comilança. Pensar cinema o tempo todo afasta de vez o tédio e a necessidade de ir às ruas. Fique em casa! Fique em casa! Achamos que é preciso aquele famoso comercial do Batom só que voltado aos negacionistas do agora.

Fique em casa, nunca é demais pedir, e mergulhe nas dicas imperdíveis de mostras, notícias, séries, filmes, cursos… E a III Semana Vertentes Online de Curtas-Metragens Brasileiros já está prontinha para ser devorada. Conheça a programação! E tem Curso de Crítica Cinematográfica, tem sim! Tem Curta da Semana e muito mais.

EM CASA

El Reino

O CANDIDATO (El Reino, 2018, Espanha, 132 minutos, de Rodrigo Sorogoyen, CRÍTICA AQUI, assista no Cinema Virtual)

Manuel Gómez Vidal é um político amado em sua região: goza de uma boa posição social, tem uma família amorosa, amigos em todos os lugares e muito carisma natural. Ele também é um homem corrupto que vem se enriquecendo com fundos públicos há anos. Depois de tentar encobrir um associado, Manuel fica exposto. Para sua surpresa, os membros do Partido procuram colocar a culpa por toda a trama em seus ombros. Mas ele não vai se render. Até que ponto uma pessoa está disposta a ir para se manter no poder?

Love Scott

COM AMOR, SCOTT (Love, Scott, 2018, Canadá, 86 minutos, de Laura Marie Wayne, CRÍTICA AQUI, assista no Cinema Virtual)

Ao caminhar por uma pequena cidade do Canadá, Scott Jones, um jovem músico gay, é atacado e fica paralisado da cintura para baixo. Após este evento traumático, o documentário acompanha a vida de Scott durante três anos, através de uma frágil e corajosa jornada de cura e transformação. O campo do documentário sempre foi um palco de debates para a realidade e as necessidades políticas de uma sociedade ou grupo da mesma, para além da construção de uma forma que compreenda essas discussões enquanto obra cinematográfica/televisiva.

Above the Shadows

A MULHER INVISÍVEL (Above the Shadows, 2019, Estados Unidos, 115 minutos, de Claudia Myers, CRÍTICA AQUI, assista no Cinema Virtual)

Uma jovem misteriosamente fica invisível para todos, inclusive para sua família, que a considerou desaparecida. Agora, anos mais tarde e ainda invisível, ela precisa encontrar uma maneira de voltar para casa e para isso conta com a ajuda de um homem, a única pessoa no mundo que consegue enxergá-la. Os norte-americanos gostam de comprar casa pronta, tudo pronto. Hollywood vende mais que isso, vende um sonho, um padrão a ser seguido e “A Mulher Invisível” é contaminado por tudo ao passo que não consegue nem estruturar a própria visão da narrativa enquanto filme em si.

Nadie Sabe Que Estoy Aquí

NINGUÉM SABE QUE ESTOU AQUI (Nadie Sabe Que Estoy Aquí, 2020, Chile, 87 minutos, de Gaspar Antillo, CRÍTICA AQUI, assista na NETFLIX)

O filme conta a história de Memo (Jorge Garcia), morador de uma remota fazenda de ovelhas no Chile e que esconde sua linda voz do mundo. Traumatizado por acontecimentos do passado, ele vive de maneira solitária, até que uma mulher lhe oferece a chance de encontrar a paz que tanto procura. Com um breve bafafá por conta do nome de Pablo Larraín na produção, “Ninguém sabe que estou aqui”, de Gaspar Antillo chega a Netflix com o diretor sendo o vencedor do prêmio de “Diretor Revelação” da edição online do Festival de Tribeca.

Uma Carta para Ferdinand

UMA CARTA PARA FERDINAND (2020, Brasil, 95 minutos, de Fábio Cabral e Anderson Dresch, CRÍTICA AQUI, Assista NOW, OiPlay e VivoPlay)

Frederico Bruestlein (1835 – 1913) homem de confiança do Príncipe François Ferdinand, dono da Colônia Dona Francisca (que posteriormente viria a se transformar no município de Joinville), vem juntamente com seu atrapalhado assistente Tonico até a cidade nos dias de hoje para elaborar um relato ao Príncipe Ferdinand sobre como andam as coisas por aqui. Nessa viagem astral, Bruestlein recebe um “choque de modernidade”, passa por situações inusitadas e revisita acontecimentos, obras e projetos em que atuou no passado. E ele não está sozinho: seu fiel e atrapalhado assistente, o jovem camponês Tonico, estará ao seu lado para “ajudá-lo” na coleta de dados do futuro. Em meio a essa turbulência de informações ele revive as memórias de seu amor platônico pela jovem Mella, com quem não teve o desejado romance, mas que, por ironia do destino, acabaria ao seu lado para sempre.

CURTA DA SEMANA

ANGÚSTIA (2016, Brasil, Maranhão, 19 minutos, de Frederico Machado). Assista na página principal do site: AQUI.

Um mercado humano faz um homem mergulhar em um abismo sem retorno. Sem ninguém para confiar sua tristeza., o homem desaba em sua dor. Com Auro Juricie.

PRÓXIMOS CURTAS

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

LIVE DE QUINTA

(Youtube Vertentes do Cinema, às 18:30, com Fabricio Duque, Francisco Russo e Pablo Villaça)

SELEÇÃO ESPECIAL CINEMATECA FRANCESA

VISITA DE CHARLIE CHAPLIN A CINÉMATHÈQUE FRANÇAISE (Visite de Charlie Chaplin à la Cinémathèque française, 1973, França,  5:51, Silencioso, Anônimo, ASSISTA AQUI)

Em 12 de setembro de 1973, Charlie Chaplin esteve presente na Cinémathèque Française para a inauguração de uma retrospectiva em sua homenagem. O elemento reversível de 16 mm (59 metros, preto e branco) mantido na cinémathèque française foi digitalizado em 2014 para o centenário de Langlois. O autor do tiroteio e o depositante permanecem desconhecidos, bem como o histórico dos relatórios intermediários (vídeo).

Em maio de 1971, Charlie Chaplin foi nomeado Comandante da Legião de Honra durante o Festival de Cannes. Em abril de 1972, no Oscar, e retornou aos Estados Unidos nesta ocasião pela primeira vez em vinte anos, Chaplin foi muito aclamado e homenageado com uma estatueta. Em 12 de setembro de 1973, cercado por Oona O’Neill, sua esposa, Henri Langlois, diretora e fundadora da Cinémathèque Française, sujeita à agitação calorosa de centenas de seus admiradores, Chaplin foi recebido no salão e no salão. projeção do Palais de Chaillot para inaugurar uma retrospectiva – cuja recepção resta apenas algumas imagens em preto e branco.

CINEMA EM CONVERSAS

Toda sexta às 22:00 no youtube Lume Filmes Oficial tem o programa CINEMA EM CONVERSAS com Frederico Da Cruz Machado, Marco Fialho e Fabricio Duque. No dia 03/07, nós encontraremos FAÇA A COISA CERTA, de Spike Lee.

Enquanto o programa inédito (e ao vivo) não começa, confira os anteriores:

#01: https://www.youtube.com/watch?v=9tAx8tAZqe8
#02: https://www.youtube.com/watch?v=aKQN6bwgeSw
#03: https://www.youtube.com/watch?v=DfBxPvhGl-4
#04: https://www.youtube.com/watch?v=9tAx8tAZqe8

#05: https://www.youtube.com/watch?v=rECG-uLaAgQ

ORGULHO LGBTQIA+ EM 10 PLATAFORMAS

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

Call Me By Your Nome

DICA MINISSÉRIE CANAL BRASIL

FIM DO MUNDO (2016, Brasil, Pernambuco, 5 episódios de 40 minutos). Criado por Hilton Lacerda. Com  Hermila Guedes; Jesuíta Barbosa; Marcélia Cartaxo; Alberto Pires.  Dirigido por Hilton Lacerda e Lírio Ferreira. Após uma série de infortúnios na cidade grande, mãe e filho precisam recomeçar a vida no interior, onde as leis obedecem a questionáveis verdades.

EPISÓDIO 1: https://globosatplay.globo.com/assistir/canal/fim-do-mundo/v/5440610
EPISÓDIO 2: https://globosatplay.globo.com/assistir/canal/fim-do-mundo/v/5462511
EPISÓDIO 3: https://globosatplay.globo.com/assistir/canal/fim-do-mundo/v/5462512
EPISÓDIO 4: https://globosatplay.globo.com/assistir/canal/fim-do-mundo/v/5462514
EPISÓDIO 5: https://globosatplay.globo.com/assistir/canal/fim-do-mundo/v/5462516

LIVE DE DOMINGO

CURSO DE CRÍTICA CINEMATOGRÁFICA 

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

TUDO SOBRE O SEMINÁRIO NA REAL-VIRTUAL

(clique AQUI ou na foto e saiba tudo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *