Poucas Palavras: Ana Paula Arósio

Facebook
Twitter
WhatsApp
Pinterest
LinkedIn

Ana Paula Arósio, nasceu em São Paulo, 16 de julho de 1975, é atriz. No cinema, fez “Coronel e o lobisomem”, a recepcionista de “Celeste e Estrela”, entre outros. Depois de estampar centenas de capas de revistas e protagonizar diversos comercias de televisão, partiu para a carreira de atriz, na qual estreou aos 18 anos, no filme ítalo-brasileiro Forever, do diretor Walter Hugo Khouri, com participação de Ben Gazzara. Aos 19 anos, aceitou o convite para fazer uma participação na novela Éramos Seis, em 1994, no SBT. Na emissora, trabalhou também em Razão de Viver, de 1996, e Os Ossos do Barão, de 1997. Fez também o seriado global “Hilda Furação”, vivendo uma prostituta que seduz um frade. Atualmente, é a atriz principal do filme “Como esquecer”, na mostra competitiva do Festival do Rio.

VC: Você escolhe os filmes baseando-se na crítica?
APA: Eu prefiro o boca-a-boca, o que meus amigos falam.
VC: Como funciona a sua escolha: pelo todo ou prefere elementos cinematográficos (roteiro, fotografia etc.)?
APA: Às vezes sim, eu vou atrás de um diretor e ou ator específico. A produção do filme me leva ao cinema.
VC: Qual foi o último filme que assistiu no cinema?
APA: “O homem da máscara de ferro”, que eu vi antes de vir pra cá.
VC: OBRIGADO!

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *