Palm Dog 2019

Criado em 2001 pelo jornalista Toby Rose, inspirado  por seu fox terrier francês Muttley, o Palm Dog é sempre esperado. Este ano, Brandy, o cão do personagem de Brad Pitt no filme “Era uma vez em… Hollywood”, de Quentin Tarantino, venceu na categoria.

E para surpresa de todos o diretor do filme foi receber o prêmio. “Eu tenho que dizer que eu estou honrado. Eu disse a todos que não tenho a ideia se ganharia a Palma de Ouro. Mas eu senti que estava em boa posição para ganhar o Palm Dog. Então eu quero dedicar isso a minha maravilhosa atriz Brandy. Ela trouxe o Palm Dog para a América”.

O júri foi composto por Tim Robey, do The Guardian; Peter Bradshaw, Wendy Mitchell, Anna Smith, a jornalista italiana Rita di Santo, Kaleem Aftab e Joe Utichi, editor do AwardsLine, e o colaborador Damon Wise.

Outros prêmios foram anunciados aos artistas caninos: “Little Joe” e Aasha dividiam o Grande Prêmio do Júri. E o prêmio Palm Dogmanitarian foi para o Google por seu apoio a cães no local de trabalho; e o prêmio Underdog para The Unadoptable.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *