#05 PODCAST MSDC | Do Cinema Compartilhado à Auto-Representação

DO CINEMA COMPARTILHADO À AUTO-REPRESENTAÇÃO

COM JUNIA TORRES

A oficina na Mostra Sesc de Cinema 2019 ofereceu uma abordagem de experiências diversas do filme etnográfico, em diálogo com formas contemporâneas, participativas, documentais ou experimentais, que fazem da auto-representação a singularidade e potência dos novos cinemas que surgem. Abordou-se  a primitividade da imagem. A coragem da montagem. A câmera procurando. A hostilidade da paisagem. A força das culturas. A cartografia da Mata Atlântica. O trabalho no campo da encenação. A ficção didática. O radicalismo do cinema indígena. O balanço de nosso cinema. A ficção para encontrar a verdade e que entra com muito respeito no documentário. Um deslocamento perene territorial. Uma migração próxima. Como acessar a cosmologia? Como filmar o invisível? É outro regime ordem de visibilidade, como o feitiço de mulher que é muito poderoso e que nenhum homem tira. Trabalha-se com elementos do mágico.

Nós conversamos com a oficineira e tudo pode ser conferido no Podcast. OUÇA A ENTREVISTA com Junia Torres

Anuncie no Vertentes do Cinema

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *