Não me esqueça, Istambul

Facebook
Twitter
WhatsApp
Pinterest
LinkedIn

“Deus salve Istambul!”

A opinião (por Marise Carpenter)

O filme em questão se compõe de sete curtas formando um retrato de Istambul, onde se desenham características culturais, tais como, negociatas no mercado, tristezas de guerras, igualdades/desigualdades de raças entre árabes e judeus, pobreza e beleza, muita beleza de um lugar repleto de história. Deus salve Istambul!

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *