biff-2016-logo


A quinta edição do Festival Internacional de Cinema de Brasília, que aconteceu de 04/11 à 13/11, teve oito longas-metragens na Mostra Competitiva e encerrou a noite com “Ma Ma”, de Julio Medem.

Integrou ainda a Mostra Sergio Leone, Mostra Mundo Animado e duas Grandes Pré-Estreias: O ÍDOLO (YA TAYR EL TAYER), de Hany Abu-Assad; e JOVENS, LOUCOS E MAIS REBELDES (EVERYBODY WANTS SOME!!), de Richard Linklater.


Os Premiados

Filme vencedor Prêmio José Carlos Avellar – ESTADOS UNIDOS PELO AMOR
Filme vencedor Prêmio Crítica de Brasília – EXERCÍCIOS DA MEMÓRIA
Filme vencedor Juri Popular Mostra Competitiva de Ficção – AS MÃOS DAQUELA MENINA
Filme vencedor Juri Popular Mostra Competitiva Documentário – EM BUSCA DE SENTIDO


Os SETE filmes da Mostra Competitiva de Documentários

ZOE, de Ander Duque, Espanha;
PIZARRO, de Simón Hernández, Colômbia;
EM BUSCA DE SENTIDO (EN QUÊTE DE SENS), de Nathanaël Coste, França;
MASOUMEH, de Sona Moghaddam, Irã;
AL PURDY WAS HERE, de Brian Johnson, Canadá;
EXERCÍCIOS DA MEMÓRIA (EJERCÍCIOS DE LA MEMORIA), de Paz Encina, Argentina/Paraguai; e
JONAS E O CIRCO SEM LONA, de Paula Gomes, Brasil.

 

Os OITO filmes da Mostra Competitiva de Ficção

A CARIDADE (LA CARIDAD), de Marcelino Islas Hernandez, México;
BARASH – O AMOR BATE À SUA PORTA (BARASH), de Michal Vinik, Israel;
A COMPOSIÇÃO (HER COMPOSITION), de Stephan Littger, Estados Unidos;
SEM MOVER OS LÁBIOS (SIN MOVER LOS LABIOS), de Carlos Osuna, Colômbia;
ALBUM (ALBÜM), de Mehmet Can Mertoglu, Turquia;
AS MÃOS DAQUELA MENINA (LA JEUNE FILLE SANS MAINS), de Sébastien Laudenbach, França;
CARTAS DA GUERRA, de Ivo Ferreira, Portugal; e
ESTADOS UNIDOS PELO AMOR (UNITED STATES OF LOVE), de Tomasz Wasilewski, Polônia.

Críticas Relacionadas

Crítica: Estados Unidos Pelo Amor

A experimentação das liberdades plantadas e dogmáticas

Crítica: Cartas da Guerra

A Hipérbole definidora de um futuro não existente

Crítica: Jovens, Loucos e Mais Rebeldes

Novo filme do diretor Richard Linklater acerta de novo e conquista de vez seu público

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados