Cerimônia de Anúncio dos Indicados ao Oscar 2018

Por Fabricio Duque


Hoje, dia 23/01, às 11:25 da manhã, foram anunciados os indicados oficiais ao Oscar 2018, pelos apresentadores pela atriz Tiffany Haddish e pelo ator Andy Serkis. As escolhas não surpreenderam e seguiram uma tendência padronizada dos prêmios já ocorridos: Globo de Ouro, PGA e SAG.

Completando nesta edição noventa anos, o Oscar, a estatueta “pelada”, votou “A Forma da Água”, de Guilhermo del Toro como o filme com treze nomeações; seguido de “Dunkirk” com oito; e “Três Anúncios Para um Crime”, com sete.

A premiação será apresentada pelo comediante Jimmy Kimmel (que foi o host da edição passada) e acontece no domingo, dia 04 de março, em Los Angeles, com começo de seu tapete vermelho às 21:00 no canal E!, e às 22:00 na TNT (este que inicia ao vivo a cerimônia às 23:00).



Lista Completa dos Indicados


Melhor Filme

(De todos os nove, os possíveis vencedores serão “A Forma da Água” ou “Três Anúncios Para Um Crime”. Para nosso site: “A Forma da Água” – apesar de nosso coração torcer para “Me Chame Pelo Seu Nome”. E se o Oscar fosse diferente? Então “Detroit em Rebelião”, da diretora Kathryn Bigelow.)

“Dunkirk”
“Me chame pelo seu nome”
“O destino de uma nação”
“Corra!”
“Lady Bird – É hora de voar”
“Trama Fantasma”
“The Post – A Guerra Secreta”
“A forma da água”
“Três anúncios para um crime”


Melhor Diretor

(Há muito o Oscar não premia mais o diretor do filme vencedor. Como é um jogo mercadológico, então tudo é possível. Sim, nada, nem ninguém, tirará a estatueta de Guilhermo del Toro, tampouco o craque e mestre Paul Thomas Anderson. Nosso site concorda com a projeção acima. Até parece que entendemos os critérios deste “circo” competitivo. E se o Oscar fosse diferente? Então Kathryn Bigelow ganharia sem questionamentos.)

Martin McDonagh (“Três anúncios para um crime”)
Jordan Peele (“Corra!”)
Greta Gerwig (“Lady Bird: É hora de voar”)
Paul Thomas Anderson (“Trama fantasma”)
Guillermo del Toro (“A forma da água”)


Melhor Ator

(Não tem erro, Gary Oldman vencerá como Melhor Ator, apesar de nosso site acreditar que John Lithgow encarnou muito melhor Winston Churchill no seriado Netflix “The Crown”. E se o Oscar fosse diferente? Então Timothée Chalamet venceria pela entrega sutil, passional, precisa, irretocável e afiada, sem reservas e sem limites. Lembrando que James Franco ficou de fora da disputa por ser acusado de assédio sexual.)

Timothée Chalamet (“Me chame pelo seu nome”)
Daniel Day-Lewis (“Trama Fantasma”)
Daniel Kaluuya (“Corra!)
Gary Oldman (“O destino de uma nação”)
Denzel Washington (“Roman J. Israel, Esq.”)


Melhor Atriz

(Disputa acirrada entre três atrizes: Sally, Frances e Margot. Saoirse complementa e Meryl, apesar de uma interpretação cirúrgica, é sempre Meryl, e sempre será indicada. O mais provável é que Frances McDormand vença, que está um “monstro” em cena, mesmo que o filme “Três anúncios para um crime” não seja tão bom. Se o Oscar fosse diferente? Prêmio para Brooklynn Prince, de “Projeto Flórida”.)

Sally Hawkins (“A forma da água”)
Frances McDormand (“Três anúncios para um crime”)
Margot Robbie (“Eu, Tonya”)
Saoirse Ronan (“Lady Bird: É hora de voar”)
Meryl Streep (“The Post – A Guerra Secreta”)


Melhor Roteiro Adaptado

(Em outros tempos, o prêmio seria entregue a “Artista do Desastre”, mas com toda o burburinho de assédio sexual de James Franco, a Academia não quererá “mexer com maribondos”. Assim, como “Logan” é uma aposta distante, tendemos nosso achismo ao filme “Me chame pelo seu nome”. E se o Oscar fosse diferente? Então, “Me chame pelo seu nome”.)

“Artista do desastre” (Scott Neustadter e Michael H. Weber)
“Me chame pelo seu nome” (James Ivory)
“A Grande Jogada” (Aaron Sorkin)
“Logan” (Scott Frank, James Mangold e Michael Green)
“Mudbound” (Virgil Williams and Dee Rees)


Melhor Roteiro Original

(A disputa fica entre “A forma da água” e “Três anúncios para um crime”, tendendo ao primeiro. Nossa site luta por “Corra!”. E se o Oscar fosse diferente? “Corra!”, claro e lógico.)

“Lady Bird: É hora de voar” (Greta Gerwig)
“Doentes de Amor” (Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani)
“Corra!” (Jordan Peele)
“A forma da água” (Guillermo del Toro)
“Três anúncios para um crime” (Martin McDonagh)


Melhor Ator Coadjuvante

(Categoria mais que certa. O prêmio vai para Sam Rockwell (“Três anúncios para um crime”). Nosso site escolhe Willem Dafoe (por “Projeto Flórida”). E se o Oscar fosse diferente? Willem Dafoe, lógico e claro.)

Willem Dafoe (“Projeto Flórida”)
Woody Harrelson (“Três anúncios para um crime”)
Richard Jenkins (“A forma da água”)
Sam Rockwell (“Três anúncios para um crime”)
Christopher Plummer (“Todo o Dinheiro do Mundo”)


Melhor atriz coadjuvante

(Oscar mais que certo para Allison Janney por “Eu, Tonya”. E se o Oscar fosse diferente? Então, o prêmio iria sem questionamentos para Bria Vinaite, por “Projeto Flórida”)

Allison Janney (“Eu, Tonya”)
Mary J. Blige (“Mudbound”)
Lesley Manville (“Trama Fantasma”)
Laurie Metcalf (“Lady Bird: É hora de voar”)
Octavia Spencer (“A forma da água”)


Melhor Filme em Língua Estrangeira

(Categoria difícil. O prêmio irá para Corpo e Alma”. Nosso site escolhe “The Square: A arte da discórdia”, pelo conjunto e pela cena do jantar. Se o Oscar fosse diferente? Então, “Uma Mulher Fantástica” arrasaria e mitava.)

“Uma Mulher Fantástica” (Chile)
“O Insulto” (Líbano)
“Sem amor” (Rússia)
“Corpo e Alma” (Hungria)
“The Square: A arte da discórdia” (Suécia)


Melhor Design de Produção

(Categoria técnica. Prêmio da Academia para “A Bela e a Fera”. Nosso site e o Oscar diferente? “A Forma da Água”)

“Blade Runner 2049”
“A bela e a fera”
“O destino de uma nação”
“Dunkirk”
“A forma da água”


Melhor Fotografia

(Não tem dúvida! “A forma da água” para Academia, para nosso site e ao Oscar diferente.)

“O destino de uma nação” (Bruno Delbonnel)
“Blade Runner 2049” (Roger Deakins)
“Dunkirk” (Hoyte van Hoytema)
“Mudbound” (Rachel Morrison)
“A forma da água” (Dan Laustsen)


Melhor Figurino

(“Victória e Abdul” com “Trama Fantasma”. Fica “Trama Fantasma”. Oscar diferente? “A forma da água”.)

“A bela e a fera”
“O destino de uma nação”
“Trama Fantasma”
“A forma da água”
“Victória e Abdul”


Melhor Canção

(“Remenber me”, “Remenber me”, “Remenber me”.)

“Remenber me” (“Viva – A vida é uma festa”)
“Mighty river” (Mudbound)
“Mystery of love” (“Call me by your name”)
“Stand up for something” (“Marshall”)
“This is me” (“O rei do show”)


Melhor Edição

(Aposta: “Dunkirk”)

“Em ritmo de fuga”
“Dunkirk”
“Eu, Tonya”
“A forma da água”
“Três anúncios para um crime”


Melhor Mixagem de Som

(Aposta: “Dunkirk”)

“Star Wars: Os últimos Jedi”
“Em ritmo de fuga”
“Blade Runner 2049”
“Dunkirk”
“A forma da água”


Melhor Edição de Som

(Aposta: “Dunkirk”)

“Em ritmo de fuga”
“Blade Runner 2049”
“Dunkirk”
“A forma da água”
“Star Wars: The Last Jedi”


Melhor Animação

(Não tem pra ninguém! “Viva: A vida é uma festa”, “Viva: A vida é uma festa”, “Viva: A vida é uma festa”.)

“O poderoso chefinho”
“The Breadwinner”
“Viva: A vida é uma festa”
“O Touro Ferdinando”
“Com Amor, Van Gogh”


Melhor Curta de Animação

“Dear Basketball”
“Garden Park”
“Lou”
“Negative Space”
“Revolting Rhymes”


Melhor Curta-metragem

“Dekalb Elementary”
“The 11 o’ clock”
“My Nephew Emmett”
“The silent Child”
“Waty Wote/All of us”


Melhor Trilha Sonora

(“A forma da água”, “A forma da água”, “A forma da água”.)

“Dunkirk”
“Trama Fantasma”
“A forma da água”
“Star Wars: Os últimos Jedi”
“Três anúncios para um crime”


Melhor documentário

(É com imenso orgulho e felicidade que vivo para ter “Visages, villages” indicado ao Oscar. Nosso coração e Oscar diferente vai para Agnès Varda. E a Academia? “Últimos homens em Aleppo”.)

“Abacus: Pequeno o bastante para condenar”
“Visages villages”
“Ícaro”
“Últimos homens em Aleppo”
“Strong Island”


Melhor documentário em curta-metragem

“Edith+Eddie”
“Heaven is a traffic jam on the 405”
“Heroin(e)”
“Knife Skills”
“Traffic Stop”


Melhor maquiagem e cabelo

(Não há dúvidas: “O destino de uma nação” vence.)

“O destino de uma nação”
“Victoria e Abdul”
“Extraordinário”


Melhores efeitos visuais

(“Planeta dos Macacos: A guerra”, “Planeta dos Macacos: A guerra”, “Planeta dos Macacos: A guerra”.)

“Blade Runner 2049”
“Guardiões da galáxia Vol. 2”
“Kong: A ilha da caveira”
“Star Wars: Os últimos Jedi”
“Planeta dos Macacos: A guerra”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados