Construção dos personagens e suas casas (spoiler alert)

Por Luma Doné


Atualmente os símbolos casas (famílias) de Game of Thrones estampam camisas, quadros e outros objetos. Essas imagens geralmente são associadas ao que o personagem que o expectador se identifica. Há sempre disputas pra saber qual casa é a melhor e, claro, quem deveria ficar com o trono. Ao longo desses sete anos, a série apresentou as características das casas e dos personagens e é este tema que irei abordar.

As casas mais famosas são Stark e Targaryen. Os Starks são conhecidos pelo seu símbolo, um lobo e por sua frase “The Winter is Coming”. Os personagens Starks mais famosos da série são: Eddard Stark, sua esposa Catelyn Tully e seus filhos Robb, Sansa, Arya, Brandon, Rickson. Além de Jon Snow que passamos longas temporadas acreditando que o personagem era filho bastardo de Ned, por isso o sobrenome Snow, mas ao final da sétima temporada descobrimos que na verdade Jon é filho de Rhaegar Targaryen e Lyanna Stark. Contudo, o personagem não sabe disso.

A maior personalidade da casa Stark é sua honra. Geralmente, eles sustentam suas palavras mesmo que isso lhes custe suas cabeças. Por exemplo, Ned, que morreu na primeira temporada por conta de sua honra ao rei Robert Baratheon. Mas não podemos dizer isso de Robb Stark. Foi justamente a falta de palavra que matou ele e sua mãe no episódio chamado “casamento vermelho”. Robb prometeu se casar com uma das filhas de Walder frey, contudo se apaixonou e casou com outra mulher. Frey não deixou barato e matou Robb e Catelyn, além de sua esposa grávida.

Já os Targaryen possuem o símbolo do dragão de três cabeças. Esta imagem é alvo de muitas teorias na série(tema que falarei na parte três). Originários de Valíria, a casa com o lema “Fire and Blood” conquistou King’s Lading e o de sua linhagem se tornaram reis. A personagem mais famosa atualmente é Daenerys Targeryan, tendo em vista que seu irmão, Viserys, morreu na primeira temporada. Danny, como é chamada pelos fãs, tem se mostrado uma mulher forte. Libertou escravos, chocou três dragões, juntou exércitos e ainda, ao que parece, é imune ao fogo. Daenarys está em sua jornada para reconquistar o trono que foi tirado de sua família após a rebelião do rei Robert.

Falando em Robert, podemos falar um pouco da casa Baratheon. Seu lema é Ours is the fury e seu símbolo um veado. Os personagens desta casa possuem um temperamento forte e são conhecidos por sua teimosia. Os principais personagens são: o Robert Baratheon, Rei de Westeros na primeira temporada que morreu em uma caçada. Stannis Baratheon, irmão de Robert que morreu tentando tomar o trono para sua família novamente (nos livros isso ainda não aconteceu). E Renly Baratheon, irmão dos dois, que morreu com um feitiço da sacerdotisa Melissandre a mando de Stannis.

Após a morte do Rei Robert, quem assumiu o trono foi seu “filho”, Joffrey Baratheon, um dos vilões mais odiados da série. Na primeira temporada, descobrimos que Joffrey não era filho de Robert e sim de Cersei Lannister com seu irmão gêmeo, Jamie Lannister. A casa Lannister é conhecida por seu símbolo, o leão e sua frase mais marcante “Um Lannister sempre paga suas dívidas”.

Cersei é, sem dúvidas, a personagem mais amada e mais odiada da série. Alguns acham que ela não é uma vilã e sim uma mulher que luta por seus desejos e sua família. Sua paixão pelo irmão lhe deu três filhos: Joffrey, Myrcella e Tommen. Ambos vestiram coroas e mortalhas de ouro. Atualmente, Cersei está na no trono de ferro. Outro personagem querido é Tyrion Lannister, conhecido por sua sabedoria e bebedeira. Tyrion é um personagem contraditório, matou seu pai e sua amada, e escapou algumas vezes da morte. No final da sexta temporada Tyrion se junta a Daenerys Targeryan para realizar o plano de retomar o trono de ferro para a família da mãe dos dragões.

Existem mais casas no universo de Game of Thrones. As quatro escolhidas aqui possuem um papel fundamental para o desenrolar da trama. Em 2019 descobriremos quem ficará com o trono de ferro. Além disto, iremos confirmar as teorias que tanto circulam na internet. Tema da parte 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados