still-filme-da-minha-vida-1

Por Fabricio Duque

A similaridade na sensibilidade da linguagem de “O Palhaço” fez com que seu diretor Selton Mello conseguisse os direitos do livro “Um Pai de Cinema”, uma fábula da história íntima de uma aldeia mágica, do escritor poeta chileno Antonio Skármeta (de “O Carteiro e o Poeta”) para realizar, roteirizar e atuar em seu próximo filme “O Filme da Minha Vida”.

“Compondo minha vida com os materiais rústicos da aldeia: o som aflito do trem local, as maças do inverno, a umidade que sinto na casca dos limões tocados pelo orvalho da madrugada, a paciente aranha na escuridão do meu quarto, a brisa que balança as cortinas”, trecho do livro em questão aqui, encantou Selton em uma feira literária em Santa Cruz do Sul, em 2013, cujo autor foi o homenageado do evento, ofereceu os direitos após assistir “O Palhaço” e “caiu como um luva” por se passar na serra do Chile.

O Filme da Minha Vida still 2

Filmado em sete cidades gaúchas, entre os meses de abril e maio, o filme transportou a história para o Brasil dos anos sessenta. Serras Gaúchas, 1963. O jovem Tony Terranova precisa lidar com a ausência do pai, que deixou a ele e a sua mãe para voltar a viver na França. Professor de francês num colégio da cidade, ele convive com os conflitos dos alunos no início da adolescência e vê o desabrochar de moças como a encantadora Luna. Apaixonado pelos filmes que vê no cinema da cidade, Tony faz do amor e do cinema suas grandes razões de viver. Até que a verdade sobre seu pai começa a vir à tona e o obriga a tomar as rédeas de sua vida.

filme-da-minha-vida-still-3

As primeiras impressões do Trailer divulgado nesta quinta, dia 26 de abril de 2017, não restam dúvidas de sua impecável direção de arte, muito influenciado pela nostalgia estética visual de “Lavoura Arcaica”, de Luiz Fernando Carvalho; e logicamente por “Cinema Paradiso”, de Giuseppe Tornatore, com pitadas de “O Segredo dos Seus Olhos”, de Juan José Campanella. Tudo, por inferência absoluta, devido a já conhecermos o trabalho de seu diretor de fotografia, Walter Carvalho. No elenco, Johnny Massaro, Vincent Cassel, Bruna Linzmeyer e Bia Arantes. O longa-metragem estreia em 3 de agosto com distribuição da Vitrine Filmes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados