Por Fabricio Duque
Direto do Festival de Cannes 2015

“Je Suis Un Soldat” é a estreia na direção de Laurent Lariviére. Há quem diga que precisamos ser condescendentes com o primeiro filme de algum diretor. Mas não. Até porque a maestria é como o amor: a primeira vista. É o que acontece aqui. O diretor “domina” a técnica e realiza um filme promissor e extremamente interessante. Ele conjuga boas atuações com um roteiro simples sem ser simplista. Sua câmera passeia com total controle. O roteiro é trabalhado com equilíbrio, mitigando gatilhos comuns, tão compreensíveis em “marinheiros de primeira viagem”, que por medo do erro quase não instigam a coragem incondicional. Utiliza-se da metáfora de um “soldado” que vigia os cães presos e que é a figura de salvar tanto a família, quanto a si mesma. Filmaço e primeiro filme. Um dos meus favoritos da competição da mostra Un Certain Regard. 
Realizada inicialmente em 21/05/2015 e complementada em 27/05/2015.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados