Resenha do Filme Abraham Lincoln – O Caçador de Vampiros
Por Cristiano Ayres

O longa metragem Abraham Lincoln – o caçador de vampiros narra a história do jovem de mesmo nome do título do filme que busca vingar a morte de sua mãe assassinada por um vampiro. O filme é narrado em flashback, se passa na cidade de Springfield, na primeira metade do século XIX, e conta com ótimas atuações, além de efeitos especiais de alta qualidade. Sem falar na narrativa ágil que torna tão atraente a história. Abraham Lincoln em sua jornada para destruir seu inimigo o vampiro Jack Barts, conta com a ajuda de seu amigo Harry, que também é um vampiro, que lhe ensina os devidos truques. O longa mostra o personagem em três fases: infância, juventude e na maturidade. Outro ponto interessante é o fato do filme apresentar excelentes diálogos capazes de levar o espectador imediatamente à reflexão. “Somos todos escravos de alguma coisa”, é uma das frases mencionadas no decorrer do filme, algo que torna o filme mais interessante a cada cena. Na contramão das histórias de vampiros contadas para adolescentes e crianças produzidos nos últimos tempos, o filme se apropria de um tema de certa forma desgastado para dar outra abordagem no sentido da busca da liberdade e da igualdade entre as raças.

Direção: Timur Bekmambetov
Produzido por Tim Burton
Elenco: Benjamin Walker, Mary Elizabeth Winstead, Dominic Cooper

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados