Ficha Técnica
Direção: Jonathan Liebesman
Roteiro: Dan Mazeau, David Johnson, Steven Knight
Elenco: Liam Neeson, Ralph Fiennes, Sam Worthington, Bill Nighy, Rosamund Pike, Édgar Ramírez, Danny Huston, Toby Kebbell, Lily James
Fotografia: Ben Davis
Música: Javier Navarrete
Produção: Basil Iwanyk, Polly Johnsen
Distribuidora: Warner Bros.
Estúdio: Legendary Pictures / Warner Bros. Pictures
Duração: 99 minutos
País: Estados Unidos
Ano: 2012
A opinião

Por Narda Staël
A minha fascinação pela Grécia vem desde os tempos do primeiro filme, “A Fúria de Titãs”, que assisti em 1981 nos cinemas. Era uma grande produção que trazia Laurence Oliver como Zeus e contava uma história ficcional a respeito dos deuses do Olímpo. Quando fiquei sabendo da refilmagem desse épico que mostrava a batalha por poder que colocava homens contra reis e reis contra deuses, fiquei emocionada e curiosa. Eu queria saber como seria essa adaptação nos dias de hoje, principalmente usando a tecnologia 3D. Eis que surge a versão 2010. E a diferença desta história para a original é que tudo gira em torno do trio Perseu – Hades – Zeus, enquanto no filme de 1981 outros deuses têm destaque, como Athenas e Afrodite (Ursula Andrews). Outra diferença da “Fúria de Titãs” (Clash of Titans), de Louis Leterrier, é Liam Neeson fazendo com menos louvor o papel que foi de Laurence Olivier. A trama que sofreu ligeiras modificações fala de Perseu (Sam Worthington), nascido como um deus, mas criado como um mortal, que não consegue salvar sua família de Hades (Ralph Fiennes), um vingativo deus do submundo. Sem alternativa, sobra para Perseu à perigosa missão de destruir Hades antes que ele possa aniquilar o poder de Zeus (Liam Neeson) e trazer destruição para a Terra. Missão cumprida, passada uma década do ato heróico de derrotar o monstruoso Kraken, Perseu – o semideus filho de Zeus – está tentando viver uma vida tranquila como pescador em uma aldeia com seu filho de 10 anos, Helius, enquanto tem início uma batalha entre Deuses e Titãs. Esse é o argumento de “A Fúria de Titãs 2”, a continuação dessa saga de mitos produzida em 2012, também com a tecnologia 3D. Nessa continuação da história que mantêm os atores principais da outra versão, Perseu (Sam Worthington) é ajudado pela guerreira Rainha Andrômeda (Rosamund Pike), pelo filho semideus de Poseidon (Danny Huston), Agenor (Toby Kebbell), e o deus caído Hefesto (Bill Nighy), a embarcar em uma perigosa busca no submundo para salvar Zeus (Liam Neeson), derrotar os Titãs e salvar a humanidade. Com a superficial abordagem dos personagens, eles mereciam definições mais aprofundadas, será difícil para a nova geração conhecer e se apaixonar pela história desses deuses gregos. Ainda assim, para quem curte o cinema entretenimento ou para os que tiveram a infância e a adolescência marcadas por esse filme de aventura, mitos, fantasia, ação, heróis e criaturas épicas e assustadoras, Fúria de Titãs 2, vale o ingresso!
Trailer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados