Ficha Técnica

Direção: Garry Marshall
Roteiro: Katherine Fugate
Elenco: Robert De Niro, Hilary Swank, Sofía Vergara, Ashton Kutcher, Michelle Pfeiffer, Sara Paxton, Sarah Jessica Parker, Katherine Heigl, Jessica Biel, Zac Afron, Abigail Brelin, Carla Gugino
Fotografia: Charles Minsky
Música: John Debney
Direção de arte: Kim Jennings
Figurino: Gary Jones
Edição: Michael Tronick
Produção: Josie Rosen, Richard Brener, Toby Emmerich, Mike Karz, Wayne Allan Rice
Distribuidora: Warner Bros.
Estúdio: New Line Cinema
Duração: 112 minutos
País: Estados Unidos
Ano: 2011

A opinião por Narda Staël (jornalista e radialista)

“Noite de Ano Novo”, sequência do longa “Idas e Vindas do Amor“, segue a mesma linha do anterior, mostrando histórias paralelas que além de acontecer em um mesmo dia, ainda celebram essa data comemorativa. O cantor Jon Bon Jovi, um dos muitos nomes de peso que o filme traz, faz um cara que termina encontrando com a ex-namorada com quem ele acabou o namoro. E ainda tem o comediante Seth Meyers (“Saturday Night Live”) que faz um marido disposto a fazer tudo para que sua mulher tenha um filho exatamente na virada do ano, de modo a ganhar US$ 25 mil. Isso tudo cercado de muito glamour e cenas divertidas.

Dirigido por Garry Marshall (“O Galinho Chicken Little”) e escrito por Katherine Fugate (“Um Príncipe em Minha Vida”), o filme trata justamente da magia que a noite de Ano Novo causa nas pessoas: sejam solteiras ou não, o fato é que elas se unem durante esse período do ano onde as promessas se tornam mais intensas à espera de um ano melhor. O mais fantástico é que tudo isso acontece em Nova York e com muito bom humor.

Estão no elenco ainda os atores: Asthon Kutcher (“Idas e Vindas do Amor”), Robert De Niro (“Homens em Fúria”), Katherine Heigl (“A Verdade Nua e Crua”), Sarah Jessica Parker (“Sexy And The City 2″), Michelle Pfeiffer (“Nunca É Tarde Para Amar”), Taylor Swift (“Idas e Vindas do Amor”), Halley Berry (“Coisas Que Perdemos Pelo Caminho”), Jessica Biel (“Esquadrão Classe A”), Zac Efron (“17 Outra Vez”), Abigail Bresling (“Uma Prova de Amor”), entre vários outros.

Apesar do apelo comercial do filme que usa um grande elenco de estrelas de primeira grandeza do cinema em meio a letreiros de grandes marcas de produtos que povoam a Big Applle, apelido dado a Nova Iorque nos anos 70, os fins justificam os meios: o longa celebra sim, o amor, a esperança, o perdão, uma segunda chance e um novo começo na noite mais deslumbrante: a Noite de Ano Novo! E não é isso que todo mundo espera desse dia?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados