A CAIXA Cultural Rio de Janeiro apresenta, de 9 a 21 de novembro, a mostra Cineastas Contemporâneos – Retrospectiva Wong Kar-wai, que trará toda a filmografia do diretor chinês e dará ao público a oportunidade de entrar em contato com a obra de um dos mais importantes cineastas da atualidade.

Com curadoria do cineasta Gustavo Galvão, a mostra traz 11 filmes e um episódio de longa (A Mão, que faz parte do longa Eros). Entre os títulos selecionados para a mostra está Amores Expressos, que foi preparado, filmado e finalizado em apenas três meses (entre abril e julho de 1994). O objetivo de Kar-wai era liberar o instinto de cineasta com um trabalho leve e contemporâneo, que lhe permitisse exorcizar a experiência em Cinzas do Passado e Dias Selvagens – dois filmes dispendiosos e de época.

Outro filme que faz parte da seleção da mostra é Amor à Flor da Pele, o exemplo perfeito do caótico processo criativo de Kar-wai. A intenção inicial era fazer um longa sobre comida, que seria dividido em três partes, de 30 minutos. A primeira parte começou a ser filmada em janeiro de 1999, com Maggie Cheung e Tony Leung Chiu-wai. Kar-wai gostou tanto do trabalho, com os dois atores, que decidiu fazer um longa só com eles. Os outros episódios não foram realizados.

O público poderá conferir ainda a estreia de Norah Jones no cinema, na produção Um Beijo Roubado, que também foi o primeiro trabalho do Kar-wai em língua inglesa. Além de Jones, estão no elenco do longa Jude Law e Natalie Portman.

A mostra, com sessões às 16h, 17h, 18h e 19h, acontece nos Cinemas 1 e 2, de terça a domingo, na CAIXA Cultural Rio de Janeiro. Dentro da programação da mostra, será oferecido o curso “O Cinema de Wong Kar-wai”, ministrado pela crítica de cinema Tatiana Monassa. As aulas serão nos dias 16, 17, 18 e 19 de novembro, das 14h às 16h. As inscrições são gratuitas e estão abertas até 12 de novembro, no site www.cineastascontemporaneos.com.br.

SERVIÇO

Local: CAIXA Cultural Rio de Janeiro – Cinemas 1 e 2
Endereço: Av. Almirante Barroso 25, Centro (estação Metrô Carioca)
Telefone: (21) 2544-4080
Classificação etária: 16 anos
Entrada: R$ 4,00 (inteira) R$ 2.00 (meia)
Acesso para portadores de necessidades especiais
www.caixa.gov.br/caixacultural

PROGRAMAÇÃO

09/11, terça-feira

17h – Anjos Caídos (Duo Luo Tian Shi, Hong Kong, cor/P&B, 1995, 96’)
19h – Felizes Juntos (Chun Gwong Cha Sit, Hong Kong/Japão/Coréia do Sul, cor/P&B, 1997, 98’)

10/11, quarta-feira

17h – Amores Expressos (Chungking Sam Lam, Hong Kong, cor, 1994, 103’)
19h – Cinzas do Passado (Dung Che Sai Duk, Hong Kong, 1994/2008, cor, 93’)

11/11, quinta-feira

17h – Dias Selvagens (A Fei Zheng Chuan, Hong Kong, cor, 1990, 94’)
19h – DEBATE – “ Wong Kar- Wai e o Cinema Contemporâneo”

12/11, sexta-feira

17h – Conflito Mortal (Wong Gok Ka Moon, Hong Kong, cor, 1988, 95’)
19h – Cinzas do Passado (Dung Che Sai Duk, Hong Kong, cor, 1994/2008, 93’)

13/11, sábado

17h – Amores Expressos (Chungking Sam Lam, Hong Kong, cor, 1994, 103’)
19h – Anjos Caídos (Duo Luo Tian Shi, Hong Kong, cor/P&B, 1995, 96’)

14/11, domingo

16h – Felizes Juntos (Chun Gwong Cha Sit, Hong Kong/Japão/Coréia do Sul, cor/P&B, 1997, 98’)
18h – Dias Selvagens (A Fei Zheng Chuan, Hong Kong, cor, 1990, 94’)

16/11, terça-feira

17h – Amor à Flor da Pele (Fa Yeung Nin Wa, Hong Kong/França, cor, 2000, 98’)
19h – Eros (Eros, França/Itália/Hong Kong/EUA, cor, 2004, 104’)

17/11, quarta-feira

17h – Um Beijo Roubado (My Blueberry Nights, Hong Kong/China/França, cor, 2007, 95’)
19h – 2046 – Os Segredos do Amor (2046, Hong Kong/China/França/Itália, cor, 2004, 129’)

18/11, quinta-feira

17h – Conflito Mortal (Wong Gok Ka Moon, Hong Kong, cor, 1988, 95’)
19h – Anjos Caídos (Duo Luo Tian Shi, Hong Kong, cor/P&B, 1995, 96’)

19/11, sexta-feira

17h – Amores Expressos (Chungking Sam Lam, Hong Kong, cor, 1994, 103’)
19h – Um Beijo Roubado (My Blueberry Nights, Hong Kong/China/França, cor, 2007, 95’)

20/11, sábado

17h – Dias Selvagens (A Fei Zheng Chuan, Hong Kong, cor, 1990, 94’)
19h – Amor à Flor da Pele (Fa Yeung Nin Wa, Hong Kong/França, cor, 2000, 98’)

21/11, domingo

16h – Eros (Eros, França/Itália/Hong Kong/EUA, cor, 2004, 104’)
18h – 2046 – Os Segredos do Amor (2046, Hong Kong/China/França/Itália, cor, 2004, 129’)

CONFLITO MORTAL (Wong Gok Ka Moon, Hong Kong, 1988, 95’)

Principais prêmios: Melhor ator coadjuvante (Jackie Cheung Hok-yau) e direção de arte no Hong Kong Film Awards/1989

Sinopse: O jovem Ah Wah, embora seja valentão e vivido, não passa de um aspirante a mafioso. Pior ainda é o explosivo Fly. Ah Wah precisa livrar a cara do amigo o tempo todo. A rotina dos dois é testemunhada por Ah Ngor. Vinda da bucólica ilha de Lantau, a bela prima de Ah Wah se hospeda no apartamento dele temporariamente, para tratar uma doença. Os primos se apaixonam, mas os problemas de Fly estragam o romance. Para ter uma vida diferente, Ah Wah precisa tomar uma medida drástica.

DIAS SELVAGENS (A Fei Zheng Chuan, Hong Kong, 1990, 94’)

Principais prêmios: Melhor filme, direção, ator (Leslie Cheung), fotografia e direção de arte no Hong Kong Film Awards/1991

Sinopse: Hong Kong, 1960. Criado por uma ex-prostituta, Yuddy é um jovem atraente e frio. Sem dificuldades, ele envolve Su, atendente do bar de uma arena esportiva. Su se apaixona e pergunta a Yuddy se ele se casaria com ela. “Não”, responde depois de alguma hesitação. Nos dias seguintes, Su desabafa com um policial. Enquanto isso, outra mulher se apaixona. Mimi, a dançarina, quer Yuddy só para ela. Não consegue. A diferença de Mimi é que ela não se conforma e começa a investigar o amante. Que partiu para as Filipinas, em busca de sua mãe biológica.

CINZAS DO PASSADO (Dung Che Sai Duk, Hong Kong, 1994/2008, 93’)

Principais prêmios: Melhor fotografia no Festival de Veneza/1994; Melhor fotografia, direção de arte e figurino no Hong Kong Film Awards/1995; Melhor filme, direção e roteiro no Hong Kong Film Critics Society Awards/1995

Sinopse: Em algum lugar da China, na Dinastia Song (século 12). Feng Ou-yang mora no deserto, finge ser um homem comum. Na verdade, é um agente de matadores. Ele não consegue esquecer sua antiga paixão, que, por um golpe do destino, converteu-se em cunhada dele. Feng não é o único infeliz a vagar por essa terra. Passam por lá um guerreiro de pés descalços (Hong Qi), um espadachim cego e a esposa dele (Flor de Pêssego) e outro guerreiro, com quem Flor de Pêssego tem um caso (Huang Yao-shi). É por causa dele que Yang Mu-rong, uma estranha mulher vestida de homem, procura Feng. Ela quer ver Huang Yao-shi morto.

AMORES EXPRESSOS (Chungking Sam Lam, Hong Kong, 1994, 103’)

Principais prêmios: Melhor atriz (Faye Wong) e prêmio FIPRESCI em Estocolmo/1994; Melhor filme, direção, ator (Tony Leung Chiu-wai) e montagem no Hong Kong Film Awards/1995

Sinopse: Uma traficante percorre as ruas e becos de Hong Kong, vestida de gabardina e oculta pelos óculos escuros e pela peruca loura. Ela não vive seus melhores dias. O mesmo ocorre com o policial 223, que foi largado pela namorada. Ele curte a solidão e o abandono devorando abacaxi em calda vencido. Em outra parte da cidade, o policial 663 leva a vida sem riscos. Também foi desprezado pela namorada, uma aeromoça, e curte a solidão e o abandono em seu minúsculo apartamento. O policial 663 demora a notar a atendente de aparência andrógina do Midnight Express, onde sempre faz uma parada para o lanche. Ela se chama Faye. E sonha em viver na Califórnia.

ANJOS CAÍDOS (Duo Luo Tian Shi, Hong Kong, 1995, 96’)

Principais prêmios: Melhor fotografia, trilha sonora e atriz coadjuvante (Karen Mok) no Hong Kong Film Awards/1996

Sinopse: Na vibrante Hong Kong de fins do século 20, quatro personagens vivem suas ilusões e incertezas cotidianas. De um lado estão Wong, um matador de aluguel, e sua agente. Ela ama Wong, mas os dois nunca se encontram. A chance de relacionamento diminui ainda mais quando ele decide largar a carreira. Antes, porém, deve realizar um último serviço. Já o excêntrico He Qiwu passa as noites invadindo barracas de comida, apenas por distração. Até que ele se apaixona por uma jovem mais excêntrica, recém-abandonada pelo namorado.

FELIZES JUNTOS (Chun Gwong Cha Sit, Hong Kong/Japão/Coréia do Sul, 1997, 98’) Principais prêmios: Melhor direção no Festival de Cannes/1997; Melhor ator (Tony Leung Chiu-wai) no Hong Kong Film Awards/1998

Sinopse: Em algum momento em 1996, enquanto Hong Kong vive a expectativa de ser devolvida à China, dois amantes homossexuais optam pelo exílio na Argentina. Viajam pelo interior. Não encontram as Cataratas do Iguaçu, o carro quebra e os dois decidem se separar. Já em Buenos Aires, eles reatam e se separam sucessivamente – no ritmo do instável e infiel Ho Po-wing. O melancólico Lai Yiu-fai tenta recomeçar a vida sem o parceiro. Ao trabalhar na cozinha de um restaurante, ele inicia uma forte amizade com Chang, jovem de Taiwan de passagem por Buenos Aires. Quando Chang parte rumo a Ushuaia, no extremo sul do continente, Yiu-fai decide ir ao norte. Ele quer conhecer as Cataratas, afinal.

AMOR À FLOR DA PELE (Fa Yeung Nin Wa, Hong Kong/França, 2000, 98’)

Principais prêmios: Melhor ator (Tony Leung Chiu-wai) e Grande Prêmio Técnico (pela fotografia e direção de arte) no Festival de Cannes/2000; Melhor Filme no Festival de Montreal/2000; César de Melhor Filme Estrangeiro (França/2001); Melhor ator (Tony Leung Chiu-wai), atriz (Maggie Cheung), direção de arte, figurino e montagem no Hong Kong Film Awards/2001

Sinopse: Hong Kong, 1962. Su Li-zhen é secretária num escritório de exportação. Ela e o marido acabaram de se mudar para um quarto alugado. No mesmo dia, o senhor Chow e sua esposa se mudam para outro quarto, no mesmo corredor. Ele é jornalista. Além do endereço, os dois vizinhos têm algo mais em comum: eles quase nunca vêem seus respectivos cônjuges e acreditam que estão sendo traídos. Juntos, Su Li-zhen e o senhor Chow tentam descobrir os motivos. Eles ficam mais íntimos a cada dia, mas a secretária tem receio de dar o troco no marido.

2046 – OS SEGREDOS DO AMOR (2046, Hong Kong/China/França/Itália, 2004, 129’) Principais prêmios: Melhor fotografia e prêmio FIPRESCI em Valladolid/2004; Melhor ator (Tony Leung Chiu-wai), atriz (Zhang Ziyi), direção de arte, fotografia, figurino e trilha sonora no Hong Kong Film Awards/2005; Melhor ator (Tony Leung Chiu-wai) e atriz (Zhang Ziyi) no Hong Kong Film Critics Society Awards/2005

Sinopse: Hong Kong, 1966. Depois de superar uma desilusão amorosa, Chow decide escrever um romance. Ele quer escrever um livro sobre um trem que parte de tempos em tempos para o futuro, para 2046. Dizem que em 2046 nada será diferente, por isso as pessoas viajam para lá, para recapturar memórias perdidas. Ninguém jamais voltou de 2046 para comprovar o que dizem – exceto um homem. É a história desse homem que Chow pretende contar. E ele, que acreditava escrever sobre o futuro, na verdade, escreve sobre o próprio passado e sobre os seus amores.

UM BEIJO ROUBADO (My Blueberry Nights, Hong Kong/China/França, 2007, 95’) Sinopse: Depois de levar o fora do namorado, Elizabeth chora as mágoas no café em frente ao apartamento do ex. Quando decide tomar o caminho mais longo para cruzar a rua, ela inicia uma viagem sem rumo pelos Estados Unidos. Partindo de Nova York, são 300 dias viajando com as economias de um ou outro bico como garçonete. A dor do abandono é apaziguada pouco a pouco, a cada história de desilusão que Elizabeth testemunha. Enquanto isso, Jeremy, o dono do café onde tudo começou, espera por notícias dela – ansiosamente.

Epsódio em longa: A MÃO Segmento do longa Eros (Eros, França/Itália/Hong Kong/EUA, 2004, 104`)

Sinopse: Hong Kong, começo dos anos 1960. Um jovem alfaiate cultiva em silêncio a paixão por uma cliente, uma prostituta de luxo. Ela entra em decadência com o tempo, mas Zhang nunca se esquecerá dela.

WONG KAR-WAI

Também conhecido por Kar-wai Wong, nasceu em Xangai, em 1958, e aos 5 anos mudou-se para Hong Kong, deixando para trás o seu irmão e irmã, que só voltaria a ver na década de 1970. Só aos 13 anos começou a falar cantonês, a língua local do Hong Kong. Em 1980, com 22 anos, abandonou a escola para integrar um programa de redação de argumento, nunca tendo chegado a ingressar numa escola de cinema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados